Oftalmologista em Taubaté

Encontre aqui os melhores Oftalmologista em Taubaté! Entenda uma pouco mais sobre o que essa especialidade trata e como ela pode ajudar você “paciente”.

oftalmologista em taubate

O que um Oftalmologista em Taubaté trata?

R: Essa especialidade trata de doenças que afetam a visão, a saúde dos olhos e também, as estruturas próximas aos órgãos do aparelho lacrimal.

Qual a diferença entre a área da Oftalmologia e um Oculista?

R: O oculista é responsável pela parte óptica, ou seja, cria e conserta lentes e óculos. Enquanto o profissional em oftalmologia atua na área clínica e também cirúrgica.

Quais as doenças que um Oftalmologista pode diagnosticar?

R: Existem diversas técnicas de exames que ele pode utilizar para diagnosticar alguma doença, um grande exemplo é a avaliação da acuidade visual. Outro aparelho muito utilizado é o microscópio ocular, que auxilia na hora de encontrar o grau certo dos óculos e saber o estado de saúde dos olhos. Claro que existem aparelhos ainda mais modernos, esses ajudam na hora de diagnosticar doenças ainda mais graves, como:

  • glaucoma
  • catarata
  • retinopatias
  • doenças do nervo óptico

Essas não são as únicas doenças que os oftalmologistas tratam, existem algumas outras que também são muito importantes quando o assunto é diagnosticar e tratar, são elas:

  • miopia
  • astigmatismo
  • hipermetropia
  • presbiopia (vista cansada)

Esses profissionais além de diagnosticar doenças, orientam os pacientes durante o atendimento clínico-oftalmológico no cuidado da saúde dos olhos e prevenções de doenças oculares. Fazem testes diagnósticos e muitas vezes tratam doenças com colírios.

Que tipo de cirurgias um Oftalmologista em Taubaté faz?

R: Já nos tratamentos cirúrgicos, esses profissionais realizam cirurgias do tipo:

  • catarata
  • retina
  • plástica ocular
  • glaucoma
  • estrabismo
  • córnea
  • em alguns tratamentos cirúrgicos, utilizam-se de procedimentos a laser para corrigir os vícios de refração.

Algumas dicas que o Oftalmologista em Taubaté fornece para a população.

Tome cuidado com a conjuntivite!

Entendendo um pouco mais sobre essa doença.

oftalmologista na cidade de taubate

A conjuntivite é uma das doenças (da visão) mais comuns. O período mais sensível para se contrair essa doença é no verão. As principais vítimas são as crianças!

Essa doença é uma inflamação nos olhos que se não tratada pode comprometer a córnea e causar danos a visão. Quando se está com conjuntivite, você deve evitar locais como: Piscina, sauna, locais com ar condicionado, evitar se expor ao sol, poeira, etc…

Essa é uma doença tão prejudicial que quando contraído, as empresas dão licença para o funcionário. Isso evita que ele(a) possa transmitir para outras pessoas.

Alguns sintomas da conjuntivite:

  • olhos vermelhos e lacrimejantes
  • pálpebras inchadas
  • coceira
  • secreção
  • sensação de areia dentro dos olhos

Como evitar a conjuntivite?

  • sempre lave as mãos com água e sabão (use álcool em gel)
  • não coçar os olhos com as mãos sujas
  • evite utilizar algum objeto de pessoas com conjuntivite
  • não reutilize lenços de papel (uso, jogue fora)
  • não divida lenços, toalhas, lápis de maquiagem para os olhos, colírios e outros medicamentos oculares.

Se eu perceber que estou com conjuntivite, como devo proceder?

Primeira coisa a fazer é procurar um especialista para tratamento. Lave bem os olhos com água filtrada ou utilize soro fisiológico. Quando estiver com conjuntivite procure todos os dias, trocar as toalhas de rosto e também as fronhas do travesseiro. E o mais importante, sempre lave as mãos antes e depois de tocar nos olhos.

Qual a importância de se fazer um exame oftalmológico completo?

Aqui vai uma dica muito importante do Dr. Aníbal Mutti que atende no Hospital 9 de julho em SP. Uma das situações mais comuns na hora do atendimento é o paciente dizer “Doutor, acho que minhas lentes não estão funcionando, sinto que eles não fazem mais efeito (estão fracas)”. O profissional que se preze sabe que exatamente nesse momento que deve fazer o exame oftalmológico completo. Isso ajuda a diagnosticar alguma doença e possibilita o tratamento imediato, evitando que a pessoa tenha algum problema maior no futuro. Mas nem sempre é assim que acontece! Clique aqui e continue lendo sobre o comunicado do Dr. Aníbal.

Continuando!

Um dos grandes problemas que os oftalmologista em Taubaté tem em relação a pacientes com doenças graves nos olhos, é que muitos só procuram os especialistas quando o problema já é grave. Sabe porque? A população por “preguiça” preferem procurar UBS, ou mesmo, clinicas que não possuem especialistas da área oftalmológica para se tratarem, e quando percebem que a solução indicada por algum médico sem experiência não resolveu (muitas vezes ajuda a piorar o problema) decidem recorrer a um oftalmologista especialista. Em algumas vezes o problema ainda tem cura, em outras, apenas o tratamento para não piorar.

Alguns dos principais exames oftalmológico completo, são:

  • Campo visual
  • Visões de cores
  • Visão de contraste
  • Estereopsia (visão estereoscópica)

Clique aqui e entenda um pouco mais de cada uma delas.

No vídeo abaixo você verá como um Oftalmologista em Taubaté testa a acuidade visual!

Após entender um pouco mais sobre como um oftalmologista em Taubaté faz o teste de acuidade visual, iremos falar sobre uma doença silenciosa. Sim!!! Essa doença é realmente um vilã dos olhos chamada de Glaucoma.

O que é Glaucoma?

R: é a doença ocular me mais causa cegueira irreversível em todo o mundo. Sendo assim, é muito importante o diagnóstico e tratamento precoce.

Quantos tipos de Glaucoma existe? E qual o fator comum entre eles?

R: São 20 tipos de glaucoma e todos eles ter um fator comum, a atrofia do nervo óptico (ela causa um aumento na pressão dentro do olho, ultrapassando o limite da resistência das células do nervo).

O que causa o Glaucoma?

R: São muitos os fatores que causam o glaucoma, os mais importantes são:

  • inflamação ocular
  • uso incorreto de colírios
  • diabetes (quando não tratado corretamente)
  • tendência genética
  • catarata

Como diagnosticar o Glaucoma?

R: Em uma simples consulta rotineira (checkup ocular) é possível diagnosticar rapidamente o glaucoma. Através de exames rápidos e muito eficientes, como por exemplo: O exame do fundo de olho ou o exame da pressão intraocular. Existem dezenas de outros exames que ajudam a diagnosticar o tipo e a agressividade da doença.

Como se controla o Glaucoma?

R: na maioria das vezes com colírios que ajudam a reduzir a pressão dos olhos. A minoria dos casos acabam necessitando de um tratamento a laser ou cirúrgico, mas com boas chances de cura.

Leia aqui uma explicação mais detalhada sobre Glaucoma.

Esse texto nos trouxemos algumas explicações mais detalhas da real função de um Oftalmologista em Taubaté. Caso você esteja precisando de uma consulta não deixe de entrar em contato.